EXAMINANDO 'LUZ NO CAMINHO' Posted on 09 Aug 18:36 , 0 comments

Edição Luso-Brasileira de 2014 é

A Mais Bem Documentada Desde 1885

Joana Maria Pinho
__
___
O prólogo da edição luso-brasileira de “Luz no Caminho” dá informação valiosa sobre o fracasso ético de sua coautora, Mabel Collins, e aborda a origem comum de “Luz no Caminho” e “A Voz do Silêncio” - que é o “Livro dos Preceitos de Ouro”.
 
A aspiração ao discipulado é apresentada de forma realista e descomplicada ao longo do prólogo de 2014. Com 85 páginas, a edição do “Aquarian Theosophist” se destaca de todas as outras feitas até ao momento, em qualquer idioma.
 
Assim como “A Voz do Silêncio”, a obra “Luz no Caminho” é dedicada a quem aspira a transformar-se em um novo ser, mais aperfeiçoado e próximo da natureza divina, altruísta, justa e fraterna. Os dois livros visam lançar e cultivar as sementes da aspiração ao discipulado nos corações daqueles que leem, estudam e tentam vivenciar seus preceitos. 
 
“Luz no Caminho” coloca os ensinamentos numa linguagem mais acessível para o estudante ocidental, mas a obra apresenta falhas em pontos fundamentais da filosofia esotérica.
 
A edição de 2014 fez das falhas de MC o que todo ser humano deve fazer com qualquer erro: transformou-as em fonte de aprendizagem para os estudantes. Ao longo do livro, seja através do prólogo, seja através das notas de pé de página colocadas nos pontos sensíveis, o leitor é alertado sobre os erros através da apresentação do ensinamento na sua forma verdadeira e original.
 
Está mais do que na hora de colocar ao alcance daqueles que buscam ajudar o progresso da humanidade a literatura teosófica sem as contaminações do passado egoísta em que alguns sectores do movimento teosófico caíram. A equipe editorial de nossos websites e e-grupos associados, assim como seus leitores e colaboradores, tem feito um trabalho de grande importância nesse sentido.
 
A publicação passo a passo de “A Doutrina Secreta” e os livros “The Fire and Light of Theosophical Literature” e “Luz no Caminho” são exemplos vivos da busca pelo despertar da humanidade para a justiça e para o seu potencial fraterno.
 
A obra “Luz no Caminho” recomenda:
 
“Lembra que o pecado e a vergonha do mundo são o teu pecado e a tua vergonha; porque tu és parte do mundo; o teu Carma está inevitavelmente ligado ao grande Carma.” [1]
 
A revolução que o mundo necessita não está na economia nem na política, mas nos corações dos seres humanos.
 
Precisamos purificar nossas intenções e agir servindo o conjunto da humanidade. O bem não se encontra satisfazendo as vontades pessoais, ele constrói-se através do autoconhecimento, do convívio com o eterno e do trabalho de cada um por todos e de todos por cada um. E essa não é uma realidade distante, ela é uma experiência possível de se viver estudando e colaborando com a loja luso-brasileira da LUT.
 
NOTA:
 
[1] “Luz no Caminho”, de M.C., Tradução, Notas e Prólogo de Carlos Cardoso Aveline, The Aquarian Theosophist, 2014, 85 pp., p. 21.
 
000
__
O texto acima é reproduzido de www.HelenaBlavatsky.net
__
000
000